Quintas indie | Lady Macbeth (2017)

8.10.2017

Hoje venho falar-vos de um filme indie britânico que estreou em Portugal no mês passado. Este chama-se Lady Macbeth e confesso que me chamou a atenção por causa do seu título e poster. Ao contrário do que esperava, este filme não tem nada a ver com Shakespeare; é sim uma adaptação de uma novela do autor russo Nikolai Leskov. Mesmo assim, este foi um filme que me surpreendeu pela positiva.

Inglaterra rural, 1865. Katherine vive oprimida pelo seu casamento de conveniência com um homem azedo com o dobro da sua idade e pelo pai deste, um homem frio e impiedoso. Quando se envolve com um trabalhador da propriedade, sente libertar-se dentro de si uma força tão poderosa que nada a deterá para conseguir o que deseja.
Lady Macbeth é um filme com um ambiente que lembra muito o Monte dos Vendavais. A paisagem austera dos moors, a belíssima cinematografia e a simples decoração cénica combinam na perfeição com esta história em que repressão e rebelião existem em iguais medidas. É um filme negro mas quieto, com um ritmo lento que deixa a história desenrolar-se sem muitas pressas. Não existem muitos diálogos mas as expressões das personagens e cenas falam por si.


O filme lembra também Jane Eyre, devido ao guarda-roupa e retrato da época histórica, mas neste caso temos aqui uma protagonista que pouco a pouco vai desenvolvendo tendências psicopatas. Florence Pugh está espectacular no papel e realmente consegue perceber-se porque tem recebido tantos elogios por parte da crítica especializada. Ela consegue transmitir bem a solidão e inquietude sentidas pela personagem e que são causadas pelo seu marido e sogro que a veêm como apenas como uma propriedade. Florence faz com que seja fácil simpatizar com esta personagem devido a estas condições mas é também implacável e causa repulsa quando esta começa a seguir um rumo mais sombrio. É também muito interessante ver o impacto da relação não saudável entre a Katherine e o trabalhor em todos aqueles que os rodeiam e até neles próprios.


Recomendo este filme para quem gosta de filmes de época atmosféricos e quer algo diferente dentro do género. Só não leva as 4 estrelas porque gostava que a complexidade psicológica da personagem principal tivesse sido mais aprofundada.



FICHA TÉCNICA:
🎥 Realizador: William Oldroyd
🎬 Florence Pugh, Cosmo Jarvis, Paul Hilton,...
📼 1h29m; Drama
★★★☆☆½



2 comentários

  1. Só leio críticas boas em relação a este filme, que aguçam ainda mais a minha curiosidade. Gosto muito deste tipo de filme, quero muito vê-lo. Pelo o que tenho lido e pelo trailer, parece-me ser um dos filmes do ano, mas posso estar enganado :)

    Bitaites de um Madeirense

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Compreendo as boas críticas. Apesar de não ter amado, é realmente um filme que vale muito a pena :) Espero que gostes quando o vires.

      Eliminar

Latest Instagrams

© Serão no Sofá. Design by FCD.