Cineclássicos | Badlands (1973)

Badlands (pt: Os Noivos Sangrentos)  foi o filme de estreia do realizador Terrence Malick, em 1973. Este é um realizador bastante conceituado, com uma filmografia pequena mas de grande valor. Este foi o terceiro filme que vi do realizador (anteriores: The New World; Days of Heaven) e, sem dúvida, que é o meu preferido até agora. 
Kit (Martin Sheen) é um jovem que trabalha na recolha do lixo e namora com Holly (Sissy Spacek), uma adolescente de quinze anos. O comportamento de Kit não é propriamente exemplar e, naturalmente, o pai da rapariga (Warren Oates) opõe-se à relação entre os jovens. Kit remove facilmente esse impedimento, matando o pai da rapariga, perante o olhar impávido e sereno desta. Depois, ambos iniciam uma fuga de automóvel por vários estados dos EUA.

Este é um filme inspirado num caso verídico que ocorreu nos anos 50, em que Charles Starrweather e a sua namorada cometeram uma série de dez assassinatos no Middle-West norte-americano.


Confesso que estava um pouco receosa em ver este filme. Apesar de ter gostado de ambos os filmes que vi do realizador, estes são filmes bastante lentos que maravilham mais pela beleza das imagens do que pela história apresentada. Felizmente, este filme acabou por ser uma boa surpresa pois apresentou uma narrativa interessante apesar de ser, à mesma, um filme com um ritmo lento.

O filme foca-se essencialmente na jornada deste casal desde o momento em que se conhecem até serem apanhados pela polícia. Explora temas como amor jovem, dependência, inocência corrumpida, violência, entre outros. Apresenta também uma espécie de atmosfera onírica e trágica que é interrompida pontualmente por breves cenas de violência.


As personagens são um ponto muito positivo neste filme. O meu preferido acabou por ser o Kit que é interpretado brilhantemente pelo Martin Sheen. Este acaba por ser um pouco o típico rebelde "bad boy" se bem que melhor construído neste filme (o ídolo do Kit é o James Dean). É um jovem carismático, imprevisível e bastante alheado da realidadeTemos também a Holly, uma jovem tímida e inocente, também interpretada na perfeição pela Sissy SpacekEsta acaba por narrar a maioria do filme, de uma forma bastante ingénua e desapaixonada. No fundo, não sei qual deles acaba por ser mais pertubador...o que mata sem qualquer remorso ou aquele que assiste de forma impassível sem nunca interferir.
Este é um casal tragico-romântico e é fácil associarmos estas personagens a outras como Bonnie e Clyde e Romeu e Julieta.


Claro que como é um filme do Terrence Malick temos uma cinematografia cuidada, com planos lindíssimos da Natureza, e uma banda sonora chamativa.

Concluindo, este é um filme que gostei bastante e acredito que seja uma boa escolha para quem se quer iniciar neste realizador.




FICHA TÉCNICA:
🎥 Realizador: Terrence Malick
🎬 Martin Sheen, Sissy Spacek, Warren Oates   
📼 1h34m; Crime/Drama
♥ 7,6/10

Share:

0 comentários